Skip to content

AbraMG promove palestra no Dia Mundial da Asma

10/04/2011

O Dia Mundial da Asma é comemorado na primeira terça-feira do mês de maio. A data foi oficializada e comemorada mundialmente desde 1998. No Brasil, encabeçada pela Iniciativa Global contra a Asma, GINA, a data servirá de alerta contra a doença, responsável por 250 mil mortes prematuras em todo o mundo, três mil delas só no Brasil. Quase todas poderiam ser prevenidas com tratamento adequado.
Segundo dados da Organização Mundial da Saúde, são cerca de 300 milhões de pessoas com asma em todo o mundo. A doença é a principal causa de 250 mil mortes prematuras ao ano, passíveis de prevenção, com o tratamento adequado.
A iniciativa global faz parte da estratégia que almeja reduzir em 50% as hospitalizações por asma em todo o mundo. Esse esforço mundial mobilizará médicos e profissionais de saúde que lidam com pacientes asmáticos em todos os paises. Eles buscarão, neste dia, difundir informações sobre a doença e o controle dos seus sintomas a fim de reduzir as hospitalizações e o número de mortes por asma no mundo, contribuindo para que os portadores da doença tenham melhor qualidade de vida.
“A principal informação que precisa estar clara para a população, e especialmente para portadores da doença e seus familiares, é que só conseguiremos reduzir estes índices de hospitalizações e também as mortes pela doença evitando as exacerbações, que são as crises de asma”, orienta o Dr. Álvaro Cruz, diretor-executivo da GINA Brasil.
O especialista explica que sendo a doença crônica, na maioria das vezes de origem alérgica familiar, não existe cura. Mas todo paciente deve ser tratado e receber acompanhamento médico. “Em casos mais graves, mesmo sob controle, os pacientes precisam continuar usando regularmente as suas medicações, tal como se faz na hipertensão ou diabetes”.
O principal objetivo da GINA, de lideranças e de associações interessadas no combate à asma em todo o mundo é criar esta cultura de tratamento contínuo, evitando a necessidade de hospitalizações ou atendimentos de emergência no momento das crises, que podem ser fatais.
“A nossa meta é reduzir as hospitalizações até 2015 em 50%, e não é impossível. Mas precisamos mobilizar não apenas os pacientes, mas também os profissionais de saúde, imprensa, lideranças políticas e sociedade”, revela Dr. Rafael Stelmach, membro do Comitê Executivo da ONG no Brasil.
Em Belo Horizonte, a AbraMG se mobiliza para oferecer uma palestra sobre a asma na sede da Associação Médica de Minas Gerais. Será no dia 3 de maio às 19 hs, na Av João Pinheiro 161. Entrada franca, vagas limitadas. Telefone para inscrição: 3247-1600. Participe! Venha esclarecer suas dúvidas e traga alguém asmático da família ou amigo.


Anúncios
2 Comentários leave one →
  1. 14/05/2011 20:56

    Sou asmatico desde que nasci, acredito que não exista, nada que não saiba referente à esta anomalia genetica…e em nenhum momento a bronquite asmatica é a falta de ar…mas sim excesso de ar…ou oxigenio. Exemplo: um computador com excesso de dados,ele não funcionará direito..ou desliga e reinicia o programa…assim é o organismo humano.

    • ABRA/MG permalink*
      18/05/2011 23:23

      Olá Isidoro

      Obrigada pelo comentário.
      A asma é mesmo uma doença desenvolvida por causas genéticas e ambientais.
      Cada pessoa tem sintomas únicos que podem ser agrupados em tosse frequente, cansaço, chieira e aperto no peito.
      Além de informações sobre a doença, é imprescindível tratá-la conforme sua gravidade.
      Se a asma for persistente, o melhor é o tratamento contínuo, preventivo.
      Informe-se mais sobre a asma, comparecendo às nossas palestras.
      A próxima será no Colégio Imaculada, à Rua da Bahia 1534, dia 8 de junho, ás 19hs.

      A moderação

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: